Lei Geral de Proteção de Dados

Adequação à Lei Geral de Proteção de Dados pode ser uma vantagem competitiva

A adequação à Lei Geral da Proteção de Dados pode fazer mais do que proteger empresas  contra multas e penalidades. Também pode representar mais uma das estratégias para obter vantagem competitiva no mercado. É o que vamos mostrar no post de hoje!

Adequação à Lei Geral de Proteção de Dados pode ser uma vantagem competitiva

Muitas empresas enxergam a Lei Geral de Proteção de Dados como um grande desafio, que pode representar muitas dificuldades. Mas hoje vamos demonstrar que a lei pode ser capaz de trazer vantagem competitiva às organizações. Abaixo separamos algumas razões que comprovam esta afirmação:

Redução de gastos com armazenamento de um alto volume de dados 

A adequação da Lei Geral de Proteção de Dados é uma excelente oportunidade para fazer uma limpeza nos dados. Ou seja, livrar-se de dados que foram coletados, mas que não são relevantes para a empresa. Esta atitude pode ser uma ótima maneira de economizar com armazenamento de um alto volume de dados.

Pode ser também um modo de tornar o processamento de dados mais assertivo e eficiente. Isso porque as ferramentas de inteligência artificial processam melhor as informações mais precisas. 

Melhor avaliação financeira

Sem falar que as empresas que detém um banco de dados mais enxuto, que justificam o tratamento das informações, recebem uma melhor avaliação financeira. Isso ocorre porque não correm o risco de sofrer penalidades ou multas devido ao tratamento inadequado dos dados.

Ações mais assertivas

Um dos principais objetivos da coleta de dados é justamente oferecer produtos ou serviços a um público-alvo específico. 

Caso estas informações estejam desatualizadas, porém, as campanhas serão direcionadas às pessoas erradas. Por exemplo, quando a idade não está atualizada ou o número de telefone já não é o mesmo. Estes fatores fazem com que o público errado seja atingido e acaba minando a credibilidade da empresa.

Neste sentido, a Lei Geral de Proteção de Dados acaba se tornando uma amiga do departamento de marketing. Isso porque proíbe empresas de acumularem dados desatualizados e garante que as ações atinjam o público certo.

Alcançar mercados internacionais

A Lei Geral de Proteção de Dados é novidade aqui no Brasil, porém no exterior não é. No cenário internacional, o tratamento responsável de dados já é uma regra que vigora a algum tempo. Por isso, para nós brasileiros, era mais difícil entrar no mercado internacional em países da Europa, por exemplo, onde a proteção de dados é mais exigente.

Com a lei em vigor, contudo, entrar na concorrência internacional passa a ser possível. Afinal, os países estrangeiros entendem que o Brasil enfim adotou uma postura mais responsável em relação ao tratamento dos dados.

Destaque no mercado

Diferente de antigamente, agora as pessoas entendem qual é o objetivo da coleta de seus dados. Com isso, se tornam mais exigentes em saber para onde vão estes dados e qual será o tratamento dispensado a eles.

Neste contexto, empresas que demonstrarem estar em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados terão maior destaque. Isso porque as pessoas irão preferir organizações comprometidas a tratar seus dados com o máximo de proteção e responsabilidade.

Isso também vale para empresas que contratam terceirizadas. Estas também terão preferência em contratar  companhias em que possam confiar seus dados, de seus clientes e colaboradores.

Obtenha vantagem competitiva também com um sistema de gestão integrado

Além da adequação à Lei de Proteção de Dados, sua empresa também pode obter vantagem competitiva com um sistema de gestão. Como o StarSoft Applications!

Nossos módulos oferecem soluções pontuais de acordo com o segmento das empresas ou departamentos específicos. Conheça nossas plataformas, descubra como elas podem ser úteis para a sua empresa e preencha o formulário para saber mais.

Paste your AdWords Remarketing code here